Os Sentidos da Vida – ROGER SCRUTON

Quanto mais pessoas você vê à sua volta, mais sozinho você se sente.

Read Time1 Minute, 37 Second

A realidade humana não é o eu, mas a pessoa, esse ser tridimensional em nosso ambiente compartilhado, que me aborda com palavras e olhares, e que também é objeto de amor, afeição e ressentimento.

A redenção não vem do ego; vem do Outro. Isso acontece porque reconhecemos, em nosso ser, que não estamos sozinhos.

Nossa salvação é o amor que o outro nos traz.

Há pessoas que escreveram sobre os valores estéticos, sobre a arte, música, arquitetura. Todos reconhecem que a vida humana sem Beleza tem toda uma dimensão social removida.

Sempre procurei consolo na arte, na literatura e na música. Isso começou muito cedo na minha vida, quando eu tinha 15 ou 16 anos. Devo confessar que as relações pessoais vieram em segundo lugar. Em decorrência disso, nunca foram tão bem-sucedidas quanto deveriam.

Mas, por outro lado, arte, literatura e música só fazem sentido no contexto humano. Assim, em última instância, elas nos levam à relação com os outros, que são necessárias, mas eu levei muito tempo para encontrar o tipo de paz que todos nós buscamos.

A Filosofia foi uma espécie de subproduto do meu amor pela arte. Eu reconheço isso especialmente na música, que é uma fonte de grande reflexão e grande emoção.

O filósofo e escritor Roger Scruton faleceu no dia 12 de janeiro (2020), aos 75 anos, deixando ao mundo inúmeras reflexões sobre o valor da beleza para a vida humana.

Autor de mais de 50 livros sobre estética, moral e política, além de ensaios acadêmicos e romances, Scruton foi um dos expoentes do pensamento conservador contemporâneo e grande polemista.

O intelectual britânico travava há seis meses uma árdua batalha contra um câncer descoberto logo após sua vinda ao Brasil para participar das conferências do Fronteiras do Pensamento

Fonte: Fronteiras do Pensamento

0 0

About Post Author

Welinton Brunialti

Jornalista - MTB -0077859/SP
Happy
Happy
0 %
Sad
Sad
0 %
Excited
Excited
0 %
Sleppy
Sleppy
0 %
Angry
Angry
0 %
Surprise
Surprise
0 %

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subscribe US Now