15 pinturas geniais russas sobre solidão e isolamento

Redação Brasil
Read Time1 Minute, 0 Second

De saco cheio de ficar em casa? A gente também (mas precisa!). Então, aproveite para descobrir aqui coisas para fazer na quarentena e descobrir estas joias da arte russa! #fiqueemcasa

1. Vassíli Tropínin. “A rendeira”, 1823.

2. Pável Fedótov. “Café da manhã de um aristocrata”, 1849-1850.

3. Konstantín Flavitski. “Princesa Tarakânova no Forte de Pedro e Paulo durante a cheia”, 1864.

4. Iliá Répin. “Na choupana”, 1878.

5. Valentín Seróv. “Garota com Pêssegos”, 1887.

6. Filipp Maliávin. “Retratp de E.M. Martínova”, 1897.

7. Iliá Répin. “Lev Tolstói em uma sala sob os arcos”, 1891.

8. Valentín Seróv. “Retrato de G.L. Guirchman”, 1907.

9. Zinaída Serebriakóva. “À penteadeira. Autorretrato”, 1909.

10. Konstantín Sômov. “Moça descansando”, 1909.

11. Mikhaíl Lariônov. “Soldado descansando”, 1911.

12. Borís Kustódiev. “Vênus Russa”, 1925.

13. Aleksandr Deinêka. “Na varanda”, 1931.

]14. Tatiana Iablonska. “Manhã”, 1954.

15. Gueli Korjev. “Manhã nebulosa”, 2006.

Fonte: Russia Beyond – português-
0 0

About Post Author

Redação Brasil

Jornalista - MTB -0077859/SP
Happy
Happy
0 %
Sad
Sad
0 %
Excited
Excited
0 %
Sleppy
Sleppy
0 %
Angry
Angry
0 %
Surprise
Surprise
0 %

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subscribe US Now